O SINDICATO

 

História de lutas do sindicato: SINDICATO DOS TRABALHADORES EM TRANSPORTES RODOVIÁRIOS NO ESTADO DO PARANÁ.

Fundado em 26 de abril de 1955 e reconhecido pelo Ministério do Trabalho e Emprego em 28 de setembro de 1956

Este trabalho foi elaborado para contar a história e as conquistas do Sindicato, nos últimos 60 anos de vida da entidade sindical.

1955 – A FUNDAÇÃO:

Os motoristas que viviam de seu trabalho como empregados, em 1955, já eram em número considerável na cidade, tanto assim que um grupo de trabalhadores reuniu-se com a disposição de fundar uma entidade de classe, tendo por objetivo o melhor entrosamento e fortalecimento da categoria e fazer justas reivindicações.

A ata da Assembléia de fundação da Associação Profissional dos Condutores de Veículos Rodoviários do Estado do Paraná foi assim redigida:

Aos vinte e seis dias do mês de abril do ano de mil novecentos e cinquenta e cinco, presentes os senhores que esta subscrevem, representando mais da terça parte dos profissionais da classe aludida, nesta cidade de Curitiba, Capital do Estado do Paraná.

O sr. Cydney Ferreira Garcia, usando da palavra, convidou os presentes a designarem o Presidente para dirigir os trabalhos da reunião, sendo aclamado o nome do mesmo senhor Cydney F. Garcia, que por sua vez convidou para constiturem a mesa os srs. António Stain e Carlos Carvalho, tendo o último sido designado para servir de secretário.

O sr. Presidente com a palavra expôs as vantagens resultantes para a classe com a organização, da Associação, de acordo com as leis vigentes e propõe que, preliminarmente seja considerada fundada a Associação Profissional dos Condutores de Veículos Rodoviários do Estado do Paraná, tendo a proposta sido aprovada.

Em seguida o sr. Presidente submete a debate, desde logo o ante-projeto dos Estatutos, sendo os mesmos discutidos e votados artigo por artigo, conforme cópia que fica anexada à presente Ata, foram os mesmos unanimemente aprovados, tendo-se procedido a escolha para membros da Comissão Executiva, a qual recaiu ainda por aclamação nos seguintes componentes da classe:

Presidente- Cydney Ferreira Garcia, vice-presidente- António Stain, 1º secretário- Carlos Carvalho, 2º secretário- Francisco Alves Teixeira, lº tesoureiro- Edgar Corsi, 2º tesoureiro- José Carvalho; Conselho Fiscal: Presidente- Emílio Cruz Filho, membros- Odahir Cosmos, Rosênio Martins e Sirilo Calixto; Conselho Deli­berativo: José Cruz Dek, Luiz Vicente Glaucio, Alcebiades Pedroso de Oliveira, Osmar de Carvalho Andretta, José Pedro Ramalho, Djalma Santos, Honório Grabowiski, Zequeivus Dvulhatka e Carlos Schilinoski.

Todos os eleitos foram empossados nos seus cargos. Foram ainda determinados pelo Presidente, as providências no sentido de notificar pela imprensa a fundação da nossa entidade de classe e fazer as comunicações telegráficas necessárias ao Delegado do Trabalho e ao Exmo. Sr. Ministro. Deliberou-se também que são considerados associados, para todos os efeitos legais, os que assinaram a pre­sente Ata. Nada mais havendo a tratar, foi encerrada a presente sessão, marcando-se a próxima para o dia10 de maio, às 20:00 horas, seguem-se as assinaturas de todos os presentes.

Á 30 de junho de 1955 foi reconhecida a fundação da entidade que passou a se chamar de SINDICATO DOS CONDUTORES DE VEÍCULOS RODOVIÁRIOS DE CURITIBA e também foi entregue petição ao Ministério do Trabalho solicitando a aprovação dos estatutos e emissão de carta sindical.

Em 28 de setembro de 1956 foram aprovados os estatutos e a denominação da entidade sindical, foi então expedida a Carta Sindical da entidade, conforme pode se observar.

A expansão do sindicato foi rápida, tanto que em 02 de abril de 1959, foi concedida pelo Ministério do Trabalho a extensão de base territorial para todo o Estado do Paraná e em 07 de agosto de 1984, foi firmada apostila na Carta Sindical com a extensão de representação de todas as categorias profissionais enquadradas no 2º grupo de Trabalhadores em Transportes Terrestres do plano da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes Terrestres, foi quando o Ministério do Trabalho mudou o nome para SITRO – SINDICATO DOS TRABALHADORES EM TRANSPORTES RODOVIÁRIOS NO ESTADO DO PARANÁ.

FATOS QUE MARCARAM A HISTÓRIA DO SINDICATO:

Durante o período militar o sindicato sofre intervenção entre 1964 e 1965.

A partir da Constituição Federal de 1988 houveram diversos desmembramentos e dissociações que enfraqueceram o movimento sindical dos rodoviários, porém a diretoria do sindicato se manteve firme na defesa da entidade e dos interesses dos trabalhadores.

Em 1984 devido a alterações estatutárias e do Ministério do Trabalho a entidade passa a denominar-se SINDICATO DOS TRABALHADORES EM TRANSPORTES Rodoviários DO ESTADO DO PARANÁ – SITRO, o que em 1995 foi novamente alterado para SINDICATO DOS CONDUTORES DE VEÍCULOS RODOVIÁRIOS DO PARANÁ e hoje novamente para SITRO – SINDICATO DOS TRABALHADORES EM TRANSPORTES RODOVIÁRIOS DO ESTADO DO PARANÁ, as mudanças de nome não alteraram as categorias representadas.

CONQUISTAS HISTÓRICAS PARA A CATEGORIA:

O sindicato conseguiu com muita luta a jornada de trabalho de 06 horas para os motoristas e cobradores de ônibus de Curitiba.

O sindicato lutou pelo passe livre dos trabalhadores em transportes urbanos.

O SINDICATO HOJE:

A categoria representado pelo sindicato é composta de trabalhadores em transportes rodoviários, transportes de passageiros por fretamento, turismo, escolar, interestadual, intermunicipal e internacional, condutores de veículos, motoristas (categoria profissional diferenciada) ajudante de motoristas, operadores de empilhadeiras e demais trabalhadores enquadrados.

O SINDICATO PRESTA ATENDIMENTO AOS TRABALHADORES NAS SEGUINTES ÁREAS: